17/4/2019

|

#patologias

O tratamento recomendado para a bursite do quadril, ou bursite em qualquer local comum, geralmente visa controlar a inflamação da bursa.

Se a bursite do quadril deriva de lesão ou uso excessivo, o repouso e outros remédios para aliviar a inflamação geralmente são bem-sucedidos. Nos casos de bursite séptica, na qual a bursa está infectada, antibióticos também devem ser usados para prevenir a propagação da infecção.

É importante aguardar até que todos os sintomas da bursite do quadril tenham desaparecido antes de retomar as atividades regulares. Retornar às atividades que causam fricção ou estresse na bursa antes de ser curada, provavelmente fará com que os sintomas da bursite do quadril aumentem novamente.

Descanso e modificação de atividade

Pessoas com bursite no quadril devem evitar atividades que irão agravar e inflamar a bursa, o que pode incluir esportes e/ou ficar de pé por longos períodos de tempo.

Gelo

A aplicação de gelo ou compressa fria no quadril dolorido pode ajudar a reduzir a dor e o inchaço local. Este tratamento é recomendado após qualquer exercício ou atividade que possa inflamar a bursa do quadril.

Anti-inflamatórios não esteroidais

Medicamentos anti-inflamatórios, tais como aspirina, ibuprofeno e naproxeno, por exemplo, podem reduzir o inchaço e a inflamação e aliviar qualquer dor associada à bursite do quadril. Mas lembre-se: nunca utilize medicamentos sem orientação de um médico.

Aspiração para drenar a bursa

Se a bursa do quadril estiver significativamente inchada, o médico pode recomendar aspirar ou drenar a bursa usando uma agulha. Nos casos raros em que isso é recomendado, uma injeção de cortisona geralmente será feita ao mesmo tempo.


Injeções de corticosteróides

Os sintomas que não são tratados com sucesso com repouso, anti-inflamatórios ou fisioterapia podem ser aliviados com injeções de corticosteróides. Como a bursa afetada fica bem abaixo da pele, o médico pode usar ultra-som para ajudar a orientar a injeção.


Fisioterapia

Um médico pode prescrever fisioterapia para alongar ou fortalecer os músculos do quadril, o que pode ajudar a tratar a bursite atual e afastar futuros casos.


Antibióticos

A bursite trocantérica séptica requer tratamento com antibióticos. A escolha do antibiótico pode ser influenciada pelo microorganismo que está causando a infecção. A maioria das pessoas com bursite séptica é efetivamente tratada com antibióticos orais. Casos mais desafiadores podem exigir hospitalização e antibióticos administrados por via intravenosa.


Cirurgia

Embora raramente seja necessário, certos casos particularmente desafiadores de bursite crônica do quadril podem justificar a cirurgia. Abaixo estão as cirurgias típicas para aliviar a bursite do quadril. O tipo de cirurgia recomendada depende dos sintomas e outros fatores.

  1. Bursectomia: em uma bursectomia tradicional, uma incisão é feita no quadril e a bursa afetada é removida. Alguns médicos realizam bursectomias artroscópicas, com a intenção de diminuir o risco de complicações e encurtar o período de cicatrização.
  2. Reparo de tendão e liberação de banda iliotibial: quando a bursite do quadril é causada por problemas com a banda iliotibial ou outros tendões, uma correção cirúrgica pode ser feita. Um tendão pode ser reparado e recolocado no trocanter maior, se necessário. A banda iliotibial é um tendão particular associado à Síndrome da Dor Trocantérica Maior. A liberação da banda iliotibial envolve o alongamento da banda para reduzir o atrito. Esses tipos de cirurgias podem ser feitos em conjunto com uma bursectomia.
  3. Osteotomia do trocanter maior; durante uma osteotomia, definida como o corte cirúrgico do osso, um cirurgião raspará 5-10mm do osso trocanter maior saliente. Esse ajuste pode reduzir o atrito e o estresse que causaram a dor no quadril.

    Consulte sempre um especialista e siga sempre a orientação de um profissional para tratamentos, medicações, exercícios e reabilitação.

Cuide da sua saúde com quem é especialista